COMO CHEGAR
 Atrativos Turísticos
 Equipamentos de voo
 Escola de Voo
 Esportes de Aventura
 Eventos
 Galeria de Fotos
 Galeria de Videos
 Lojas Fora do Ar
 Meteorologia
 Pousadas
 Rampas de Voo do ES
 Reportagens
 Sobre Alfredo Chaves
 Voo Duplo
Busca:
 
Dicas- APROXIMAÇÃO

Aproximação (seu nome já o diz claramente sobre o que estamos falando) é um conjunto de manobras, cujo o objetivo é nos levar a um local adequado, com a altura e velocidade precisas, para efetuarmos um pouso com máxima segurança. Um bom pouso é a consequência de uma boa aproximação.

 

Com o baixo rendimento e a alta resistência aerodinâmica das asas para iniciantes, pousar é relativamente mais fácil, pois basta jogar com as velocidades para se ter diferentes taxas de planeio: com mais ou menos ângulo de ataque, variamos as taxas de descida. Porém, devemos dar ênfase especial as técnicas de aproximação, por serem imprescindíveis em pousos como os de Atibaia e em asas de alta performance.

 

Diferentes Aproximações:

 

Aproximação em OITO. É a primeira técnica de aproximação que aprendemos, pois é fácil de executar e permite eventuais correções. Consiste em fazemos curvas de aproximadamente  270º sobre dois pontos distantes, nas laterais do pouso onde devemos entrar. As curvas devem ser sempre de frente para o pouso, procurando nos manter no mesmo lugar! Em dias com pouco vento, é normal para o iniciante querer avançar sobre o pouso e em dias de ventos fortes, ele pode se distrair e deixar a deriva do vento levá-lo para traz do ponto ideal.

Se deve ter em conta de não fazermos oitos muito pequenos, fazer pequenas correções e ficar sempre de olho no pouso, é preferível fazer a aproximação um pouco fora do pouso, porém em dias de ventos fortes, é aconselhável fazermos a aproximação mais próximos ao pouso para não sermos levados para fora pelo vento, ainda mais, se houverem obstáculos o rodeando.

 

Aproximação em "S". É uma aproximação que podemos utilizar quando estamos chegando ao pouso e temos uma pequena sobra de altura. Realizamos algumas curvas largas para perder o excesso de altura sem ganharmos muita velocidade.

 

Aproximação em "U". É uma aproximação muito usada nos vôos de Cross Country ou Distância, quando temos certeza do vento e quando já sabemos apurar os últimos metros de altura.
Iniciamos a aproximação com o vento de cauda, de olho no pouso calculamos os metros ainda necessários e a força do vento para vermos onde giraremos 90º para a perna base, perpendicular a linha de pouso, com a altura e velocidade corretas, finalmente efetuamos uma nova curva de 90º para a reta final do pouso.
Quando se tem certa pratica, podemos fazer tudo isso em um giro de 180º.

Nesta aproximação, se deve ter em conta não perder muita altura pois a última curva é relativamente perto do solo, existindo o risco de não completá-la e fazer o pouso com vento de través ou acabar sobre obstáculos. Temos que ter também uma margem de velocidade extra para prever possíveis gradientes de vento ou descendentes.

O ideal é utilizar este tipo de aproximação somente quando adquirir boa prática.



 
Destaques

No Ar
Voo Duplo de Parapente - Liberdade total

Na Pedra
Não sou calango, mas...

Na Água
Para quem não tem medo de se molhar

Na Terra
Caminhada Ecológica - Aproveite a paisagem!


Newsletter




Enquete
Qual aventura você gostaria de fazer?
Voo duplo
Rapel
Bóia Cross
Ecopasseio
Kaiake

  








Avenida Getulio Vargas, s/n - Centro, Alfredo Chaves-ES - 29240-000 :: (27) 3269-1345 | (27) 9981-6751